quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Ragu de frango com polenta ao queijo mussarela

Ragu é um molho a base de carne cozida, de origem italiana, mas com diversas variações dentro da própria Itália, bem como em diferentes países. As modificações em cada cultura geraram diferentes receitas de ragu, mas preservando o conceito básico de molho.

Aqui apresento a minha versão para esse molho tão conhecido, acompanhado de uma polenta envolvida em queijo mussarela.



Ragu de frango

1 peito de frango pequeno (depende do tamanho da família)
4 dentes de alho amassados
sal e pimenta à gosto
2 colheres (sopa) de shoyu
1 colher (sopa) de óleo vegetal
½ xícara (chá) de bacon picado
2 tomates grandes sem pele bem picadinhos
1 cebola grande bem picadinha
¼ xícara (chá) de manjericão bem picadinho
1 xícara (chá) de molho de tomate pronto
1 sachê de caldo de bacon (ou galinha)
1 xícara (chá) de água

Modo de fazer:

Retire a pele do peito de frango e pique-o em cubos pequenos. Tempere com o alho, o sal, a pimenta e o shoyu. Reserve.
Numa panela grossa, coloque o óleo vegetal e acrescente o bacon para fritar. Enquanto isto, pique o tomate, a cebola, o manjericão e reserve.
Quando o bacon estiver frito, retire-o e na mesma panela coloque o peito de frango reservado para fritar. Quando estiver totalmente corado, acrescente o bacon frito, a cebola e o tomate, mexa e acrescente ½ xícara de água, tampe e deixe cozinhar em fogo baixo, mexendo de vez em quando. Quando o tomate estiver desmanchando, acrescente o molho de tomate pronto e a outra ½ xícara de água, acrescente o caldo de bacon e, se necessário, acerte o sal. Tampe e deixe cozinhar mais um pouco até que fique com um caldo grosso. Desligue, acrescente o manjericão e sirva quente.

Polenta ao queijo mussarela

3 xícaras (chá) de água
1 xícara (chá) de fubá fino
1 colher (sopa) de óleo vegetal
1 sachê de caldo de galinha ou de legumes
sal à gosto
200 gr de queijo mussarela em fatias

Modo de fazer:

Numa panela grossa, coloque todos os ingredientes, menos o queijo. Leve ao fogo mexendo sempre até começar a engrossa, abaixe o fogo, mexa mais um pouco, tampe a panela e deixe cozinhar. É necessário mexer de vez em quando para que a polenta cozinhe por igual. Quando estiver soltando do fundo da panela, já está pronto. Coloque metade da polenta numa vasilha, distribua metade do queijo, coloque o restante da polenta e distribua por cima o restante do queijo. Sirva quente com o ragu.

OBS.: esta receita tem cheiro de infância para mim. Minha mãe, uma autêntica mineira, sempre fazia angu (de consistência para cortar e com pouco ou nenhum sal) e, de vez em quando, ela acrescentava um molho qualquer a ele, denominando-o de angu à baiana. Claro que não era a receita original, mas uma versão ao gosto da nossa família. Na verdade, essa receita postada também poderia receber o nome de polenta à baiana, mas como o molho está mais para a versão ragu que para a baiana (que leva miúdos de boi), preferi nominá-lo como está acima.
O ragu também pode ser servido com macarrão, nhoque ou outra tipo de massa, pois é um molho muito versátil.
Então, bom apetite!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails